segunda-feira, 21 de abril de 2008

confias e triunfarás

Porque a "estranha mania de ter fé na vida", como bem canta o grande Milton, continua firme e forte por aqui. Ainda que em alguns momentos tudo pareça mais complicado e nebuloso do que de costume.

(...)
A pessoa que confia está a léguas de distância daquele otimista insuportável que sempre acha que tudo vai dar certo, afirma a psicoterapeuta carioca Natália Assunção. O otimista de carteirinha parece que está inchado, inflado como uma bola de gás. Tudo nele tem um ar forçado, artificial. O otimista quer que as coisas dêem certo, custe o que custar. Já a pessoa confiante exala naturalidade, graça, leveza. Ela não é obsessiva, diz Natália.

Então é isso: quem confia se sente seguro e tem fé na vida, não importando o que vai acontecer. Prepara-se, física e psicologicamente, tem ajuda ou pede por ela, treina muito e como Zorba, o grego (do clássico do cinema), depois do baque inicial, é até capaz de dançar com um sorriso sobre o próprio fracasso. Sinceramente, talvez você e eu ainda não tenhamos chegado a esse ponto verdadeiramente invejável. Mas tenho certeza de que, com um pouco de prática, entrega e abertura, ainda chegará o dia em que finalmente teremos coragem de chegar à pontinha da plataforma do trapézio, contemplar o ambiente e nos atirarmos. Com muito mais confiança.

Fonte: Revista Vida Simples - Abril/2008

Um comentário:

Cacá BH disse...

nossa... é verdade mesmo...
quem é otimista insuportável vem sempre com aquele discursinho mais didático do mundo....
eu tô tentando chegar no patamar pleno da confiança... as vezes desacredito, mas... eu tô tentando!!
beijos